HOSPITAL DE ALTA COMPLEXIDADE
"PTE. JUAN DOMINGO PERÓN"
O Hospital de Alta Complexidade “Pte. Juan Domingo Perón” anseia ser uma instituição de transcendência regional, nacional e internacional, no campo assistencial, docente e de investigação. Contamos com uma tecnologia inteligente dirigida por um grupo de experimentados profissionais que melhora a qualidade de diagnóstico, reduz riscos de erro, maximiza os efeitos curativos, diminui os custos e otimiza o uso dos recursos.

Culminaram com sucesso as Terceiras Jornadas de Ginecologia Oncológica Laparoscópica

Compartir

O Hospital de Alta Complexidade "Pte. Juan Domingo Perón" foi sede durante toda esta semana do Terceiro Curso Clinical Immersion em Ginecologia Oncologica Laparoscópica, o qual contou com a presença de profissionais de Peru, Paraguay, La Plata e Capital Federal.Eles destacaram a importância destas capacitações que realizam  os profissionais de Ginecologia do HAC.

Ao respeito o Dr. Alejandro Sosa (ginecologista /oncologista de Capital Federal) comentou: "É a segunda vez que viemos com o Dr. Cappetta a estas jornada de cirurgia oncológica por via laparoscópica e fechamos a semana com o mesmo entusiasmo e admiração que a primeira vez. Além de trabalhar no Hospital de muitos volumes cirúrgico, e tendo a grandes centros de renome muito próximos , não contamos em Capital Federal com um curso tão completo como este e com a motivação por parte dos organizadores "Nosso Objetivo esta vez foi fortalecer os conhecimentos cirúrgicos relacionados a esta patologia tão importante para nossa especialidade, que requer uma forte formação cirúrgica que antes era a céu aberto e agora grande parte se deveriam realizar por via laparoscópica. O problema é que muitos poucos lugares do país têm o equipamento e a capacitação do pessoal para oferecer , e é por isso que visitamos novamente a província de Formosa".

"Este hospital sendo um hospital público nos dá a possibilidade não só de capacitar-nos junto com seus cirurgiões , senão que  também de ver o mais novo em tecnologia o qual é um acréscimo para este curso. Ter acesso  a este tipo de formação é muito difícil e muitas vezes só acontece em Instituições privadas, onde o acesso é muito mais restringido . Aqui nos sentimos beneficiados por participar, mas compreendemos que os principais beneficiados são as pacientes que tenham ou não cobertura social recebem o mesmo tratamento".

Por outro lado, o Dr. Ricardo Cappetta (ginecologista/oncologista - Capital Federal) falou "As cirurgias que assistimos foram de patologias muito complexas, feitas tecnicamente em forma correta e com tempos cirúrgicos muito rápidos em relação a técnicas a "céu aberto" pelo que continua frutífero  o fato de vir, estar e participar deste tipo de cirurgias ". "A qualidade da equipe, quanto a responsabilidade, ordem e meticulosidade com que trabalham é incrível.  São dedicados para que tudo esteja em  perfeitas condições, não só quanto o organizativo senão desde o estritamente médico".

"Quero felicitar às autoridades do hospital que permitem ao pessoal contar com todo o material necessário para realizar este tipo de procedimentos, brindando assim a possibilidade de que os pacientes sejam tratados com tecnologia de última geração . Nós ficamos surpresos a primeira vez , mas é muito gratificante ver que continuam no mesmo caminho".

Da mesma forma os doutores Ernesto Lee Basso e Dr. Fredy Juan Vilca Flores, do Hospital Nacional Daniel Alcides Carrión de Lima Peru, expressaram "O objetivo final de toda capacitação médica é poder oferecer um melhor tratamento para as pacientes com este tipo de patologias. No meu país nós realizamos cirurgias oncológicas abertas e esta capacitação é uma oportunidade de começar a aplicar estas técnicas pelos grandes benefícios que tem para o paciente.

Mais além , do aprendizado na técnica o importante são justamente estes benefícios acrescentado: uma rápida recuperação, sem dor no pós-operatório ; as pessoas são operadas e no dia seguinte vão embora para sua casa , é incrível ", comentavam os profissionais de Peru.

Por último, o Dr. Vicente Acuña médico cirurgião oncologista de Assunção, Paraguay  expressou: "Quero agradecer pelo convite e destacar que o hospital leva seu nome bem no alto devido às intervenções  de grande magnitude que realizam,  pois realmente são de alta complexidade "."Estas são técnicas de ultimo nível no que se refere ao câncer oncológico- ginecológico e com múltiplas vantagens , já seja por um melhor resultado desde o ponto de vista do tratamento como para a recuperação das pacientes". "Quero destacar que tudo isto se dá dentro de um hospital público onde concorrem pessoas que não possuem os recursos para aceder a outros lugares a realizar-se este tipo de intervenções, o que fala muito bem de todo o sistema de saúde da província de Formosa", culminou o profissional.

Com  respeito às  Jornadas, destacava o responsável do Serviço de Ginecologia do HAC "Tem sido dias muito produtivos compartilhados com colegas de nosso país e de Latino-America. Isto, antigamente era impensado para nossa província, mas com certeza a decisão política e Institucional de transformar este hospital em centro de formação para Latino-America não ficou só em boas intenções, senão que se tem materializado pelo trabalho constante de quem dirigem o hospital e de todos os serviços que intervém dia a dia nos múltiplos procedimentos que se realizam".

Para finalizar, dizia o profissional: " As Jornadas tem sido novamente um sucesso como resume de todos os que intervém na sua organização , e do esforço do pessoal de sala de cirurgia que levaram os maiores elogios por parte de quem nos visitaram de outros países. Isto também é um grande orgulho , o reconhecimento profissional e humanitário  do Recurso Humano do Hospital, algo que se oferece cotidianamente  a todos os pacientes que concorrem à Instituição para acompanhá-los nos seus momentos de padecer ".

COMO CHEGAR?